Categoria volta a se reunir na quinta-feira (27), para encaminhamentos sobre a greve - Foto: SIMTED
Categoria volta a se reunir na quinta-feira (27), para encaminhamentos sobre a greve – Foto: SIMTED

Profissionais da Rede Estadual de Ensino de Dourados se reuniram em assembleia, na manhã desta terça-feira (25), no SIMTED, e decidiram pela paralisação com início para a próxima semana.

A categoria recusou a proposta do Governo do Estado, que ainda não cumpriu a Lei do Piso Estadual da Educação, com reajuste salarial de 7,64%. A administração ainda propôs não pagar o retroativo, relativo ao mês de janeiro (data-base).

O pagamento do percentual de 7,64% seria adiado para o mês de dezembro, descumprindo também a Lei do Piso para 20 horas, que deveria ser implantada até 2021.

Administrativo
O Governo também não deve atender à reivindicação dos/as administrativos da Educação de incorporação do Abono Salarial. O reajuste da categoria deve ser de apenas 2,94%, percentual que não corresponde à expectativa dos/as servidores/as.

Encaminhamentos
O SIMTED Dourados participa da Assembleia Geral da Fetems nesta quarta-feira (26), em Campo Grande, onde comunicará as decisões tomadas pela categoria durante a assembleia desta terça.

Nova assembleia
Os educadores da Rede Estadual de Ensino de Dourados voltam a se reunir em assembleia na tarde da próxima quinta-feira, 27 de julho, no SIMTED. Na ocasião, a categoria discutirá os próximos encaminhamentos sobre a negociação com o Governo e para a paralisação que terá início na próxima semana.