Presidente do Conselho Deliberativo do Furacão usa redes sociais para expor insatisfação com atuação da arbitragem no empate em 1 a 1 com o Santos

Furacão sofre gol de empate em pênalti que só o juiz viu, diz Twitter do furacão – Reprodução

Depois do diretor de futebol Paulo André e do próprio perfil oficial do Athletico-PR, foi a vez de Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho Deliberativo do clube, reclamar da arbitragem no empate em 1 a 1 com o Santos, neste domingo. O Furacão critica o polêmico pênalti marcado a favor do Peixe no fim do segundo tempo do confronto na vila Belmiro.

Na ocasião, Marinho avançou pela esquerda e foi derrubado por Braian. O árbitro Rodrigo Carvalhães de Miranda marcou falta, fora da área, mas foi chamado pelo VAR para revisar o lance. Depois de ir ao monitor, mudou a decisão e assinalou o pênalti para o Santos. A marcação irritou Petraglia, figura conhecida do Athletico-PR.

– Estamos cansados de erros de arbitragens contra nós! A esperança do VAR não existe mais, o ‘erro’ agora fica oficializado! A nossa torcida que se manifeste e reaja! Pedir à Direção do Furacão que façamos alguma coisa de nada resolve! Estamos todos esses anos lutando contra o sistema, além de cansada se sente impotente! O ano passado foi a mesma história na Vila e no Beira-Rio! O nosso projeto vitorioso carimba na testa do Brasil que ou existe incompetência ou corrupção! Não deixam nosso Athletico seguir sua vida em paz! O tempo será o senhor da razão!!! – disse o dirigente nas redes sociais.

Antes, o diretor de futebol do clube, Paulo André, já tinha utilizado os microfones para reclamar da arbitragem. O ex-zagueiro chamou a arbitragem de Rodrigo Carvalhães de Miranda de “irresponsável”.

– Eu não estou falando de interpretação, mas sim com lances do VAR. São vários ângulos. A arbitragem não pode ser irresponsável. É vergonhoso. Fomos garfados aqui. Isso é inadmissível. É uma grande vergonha. O toque claramente é fora da área – falou Paulo André.

O próprio Athletico-PR, nas redes sociais, foi irônico para noticiar o empate contra o Santos na Vila Belmiro.

Do G1