O centroavante Miguel Borja é dúvida para o confronto entre Palmeiras e Cruzeiro, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após o treinamento desta sexta-feira, o técnico Cuca evitou dar pistas sobre a escalação e revelou que o colombiano pode acabar vetado.

Escalado como titular contra o Barcelona de Guaiaquil, Borja permaneceu em campo até os 33 minutos do segundo tempo. Pouco participativo, o centroavante colombiano foi sacado para a entrada de Keno após uma atuação apagada pela Copa Libertadores.

“Não sei”, disse Cuca quando questionado se pretende manter Borja como titular. “Ele ficou ontem (quinta-feira) até meia-noite no hospital com uma inflamação intestinal. Passou mal no aeroporto e até esqueceu o passaporte. Vamos ver amanhã. Se estiver melhor…”, completou o técnico.

Com o filho ainda internado após sofrer um acidente doméstico, o meia Alejandro Guerra não esteve na Academia de Futebol nesta sexta-feira e deve desfalcar a delegação no confronto com o Cruzeiro. Indagado se planeja improvisar Zé Roberto na meia, Cuca desconversou.

O Palmeiras treina pela última vez antes de enfrentar o Cruzeiro na manhã deste sábado, na Academia de Futebol. No ensaio derradeiro, Cuca planeja acertar o time para o duelo em Belo Horizonte, levando em conta o estado físico de cada atleta – o zagueiro Juninho, suspenso, está fora.

“Vamos analisar e levar o que temos de melhor para formar um time forte”, disse Cuca. “Não podemos correr o risco de perder atletas por lesão. Se o cara estiver cansado, você não pode exigir que ele renda 100%. Mas, às vezes, tem que ir no coração. Precisa buscar força na alma para fazer um bom jogo”, completou.

O confronto entre Palmeiras e Cruzeiro está marcado para as 16 horas (de Brasília) deste domingo, no Estádio do Mineirão. Com 19 pontos ganhos, 10 a menos que o líder Corinthians, o time alviverde ocupa o quarto lugar e vem de quatro vitórias consecutivas.

Da Gazeta Esportiva