Cuba confirma 110 mortos em acidente aéreo

Três mulheres conseguiram sobreviver ao desastre

Acidente aéreo ocorreu nos arredores do Aeroporto Internacional José Martí, em Havana, na última sexta-feira – Foto: Epa

As autoridades de Cuba divulgaram um novo balanço de vítimas do acidente aéreo ocorrido nos arredores do Aeroporto Internacional José Martí, em Havana, na última sexta-feira (18).

Segundo os últimos números, o Boeing 737-201 levava 113 pessoas, sendo 107 passageiros e seis tripulantes. Desse total, 110 morreram, e três mulheres, todas cubanas, conseguiram sobreviver e estão internadas no Hospital General Calixto García.

De acordo com o ministro dos Transportes Adel Yzquierdo, no avião viajavam 102 cubanos, dois argentinos, dois saarauís (habitantes do Saara Ocidental) e sete mexicanos, incluindo os seis membros da tripulação. Os motivos do acidente ainda são desconhecidos, e a aeronave pertencia à companhia mexicana Global Air, mas era operada pela estatal Cubana de Aviación.

Da AnsaFlash