Marcelo Miglioli com o governador Reinaldo Azambuja – Foto: Mazão Ramires

A Convenção Estadual do PSDB de Mato Grosso do Sul homologa neste sábado, em Campo Grande, a candidatura ao Senado pelo PSDB e partidos aliados do ex-secretário de Infraestrutura do Governo do Estado, engenheiro Marcelo Miglioli. “Depois de três anos e três meses dedicados ao setor de Infraestrutura, conhecendo a realidade de cada um dos municípios e as demandas do Estado, estou preparado para representar Mato Grosso do Sul em Brasília”, disse Miglioli.

O pré-candidato disse que gerenciou mais de R$ 5 bilhões em obras rodoviárias, projetos de habitação, saneamento, construção civil e gás, deixando a pasta sem nenhuma denúncia de irregularidade, desvio ou corrupção.

“Deixamos, isso sim, mais qualidade e vida, conforto e desenvolvimento para o nosso Estado, contribuindo para melhorar a vida de milhares de famílias”, destacou o engenheiro que esse ano terminou o curso de Direito na UCBD, reforçando o conhecimento para as atividades legislativas.

A convenção tucana homologa as candidaturas de Reinaldo Azambuja, candidato à reeleição, do vice-governador, e as duas vagas ao Senado que serão ocupadas por Marcelo Miglioli e Nelson Trad Filho. Também serão confirmadas as chapas para deputado federal e estadual da coligação.

A convenção acontece a partir das 8 horas, na sede do Diretório estadual do PSDB, na Avenida ministro João Arinos, 156, em Campo Grande.

Governo de MS - Nota Premiada