Cirilo Ramão comemora aprovação de diploma que homenageia povo paraguaio

O diploma será entregue a personalidades paraguaias de destaque - Foto: Eder Gonçalves
O diploma será entregue a personalidades paraguaias de destaque – Foto: Eder Gonçalves

Foi aprovado durante sessão ordinária desta segunda-feira (24) o Decreto Legislativo nº 016/2017, de autoria do vereador Cirilo Ramão (PMDB), que institui o diploma Jopará (Yopara) para personalidades destaque com descendência ou paraguaios natos. O vereador comemora a aprovação do decreto, já que a comunidade paraguaia muito tem contribuído com a sua cultura aos douradenses e sul-mato-grossense.

Mato Grosso do Sul, de acordo com o vereador, possui uma das maiores colônias paraguaias do Brasil, com aproximadamente 300 mil pessoas, sendo que em Dourados estão 10% desta população. “A influência que o povo paraguaio agregou aos muitos valores do povo sul-mato-grossense, sendo a comida, a cultura, a vestimenta, a religiosidade e o modo de vida, estão misturados ao dos douradenses”, apontou Cirilo.

Jopará é a combinação da língua castelhana e guarani que se desenvolveu durante a colonização espanhola do Paraguai. A gramática e a estrutura do idioma são as mesmas do espanhol, porém com muitos traços do guarani. Muitos a consideram como uma “terceira língua” do Paraguai, que tem como idiomas oficiais o espanhol e o Guarany.

O diploma será entregue para paraguaios natos ou descendentes que geram relevância social, política, econômica e religiosa para a população douradense. “Além da história que une o povo brasileiro e paraguaio, das lutas e guerras, muitas são as personalidades deste povo irmão que contribuem para o sucesso da nossa cidade”, ressaltou o vereador sobre a importância da homenagem.