Alan Guedes garante que Câmara acompanhará destinação de recursos – Foto: Thiago Morais

O vereador Alan Guedes (DEM), presidente da Câmara de Dourados, considerou ‘importante e significativa’ para o Município a manifestação pública, feita na manhã desta quinta-feira (18), em Mato Grosso do Sul, pelo secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Glauzmann, de que o Governo Federal está contornando o corte de recursos efetuado como medida de contingenciamento orçamentário e que os recursos da ordem de R$ 30 milhões, que seriam destinados às obras do Aeroporto Regional Francisco de Matos Pereira, serão mantidos.

Publicação do Diário Oficial da União na semana passada notificava o corte da ordem de R$ 1,2 bilhão em recursos programados no orçamento para suplementar ações do Ministério do Desenvolvimento Regional. Os cortes atingem vários investimentos previstos para o Mato Grosso do Sul ao longo do ano, que são valores oriundos de emendas parlamentares incluídas no orçamento. A perda mais significativa atingia justamente o programa de obras de ampliação e reforma do Aeroporto de Dourados.

“Ainda assim, vamos nos manter vigilantes, porque sabemos das dificuldades do Governo em manter compromissos assumidos com as diferentes regiões e às demandas que surgem de vários pontos do País, e para Dourados e os 33 municípios que compreendem esse pólo regional esses investimentos no aeroporto são estratégicos”, propôs o presidente da Câmara.

Na segunda-feira, ao representar os vereadores do Município na inauguração do serviço Poupatempo, juntamente com a prefeita Délia Razuk e representantes do Governo do Estado, em Dourados, Alan Guedes já havia mencionado a necessidade de unir esforços para reaver os recursos que foram destinados para o município. Alertou para o que chamou de “prejuízo imensurável para a cidade” e convocou, além dos vereadores, todas as entidades de classe do município e sociedade, “para que este ato do governo não seja consolidado e que possamos conseguir reverter a situação”, enfatizou.