Presidente eleito disse que juiz federal é “símbolo do Brasil” – Reprodução Youtube

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) confirmou nesta segunda-feira (29) que convidará o juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, para ser ministro da Justiça ou do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Onde ele achar que poderia melhor trabalhar para o Brasil”, declarou.

A informação já tinha sido divulgada no domingo (28) pelo agora vice-presidente do PSL, Gustavo Bebianno, e foi confirmada por Bolsonaro em maratona de entrevistas às principais emissoras de TV aberta do país. O juiz federal parabenizou o presidente eleito pela vitória e desejou que ele faça um “bom governo”.

Moro não descarta a possibilidade de participar do novo governo, segundo o jornal “O Globo”, e afirmou que poderia afastar o temor de parte da sociedade sobre a ameaça de Bolsonaro ao Estado democrático de direito. Oficialmente, no entanto, ele não comenta.

O presidente eleito disse também ao Jornal Nacional, da “TV Globo”, que Moro “é um símbolo do Brasil”, e afirmou que logo se encontrará com o juiz em Curitiba para conversar sobre o convite.

Da AnsaFlash