Audiência pública debaterá implantação de linha de transmissão de energia no Mato Grosso do Sul

Com investimento de R$ 323 milhões, obra com 400 km de extensão irá gerar mais de mil vagas de emprego para a região

Nesta quarta-feira (6), às 19 horas, será realizada em Campo Grande, a audiência pública sobre a construção da Linha de Transmissão 230Kv, com aproximadamente 400 km, que passará por cinco municípios do estado de Mato Grosso do Sul: Campo Grande, Dourados, Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante e Terenos. A obra, com início previsto para janeiro de 2019, será concluída em 2021 e vai gerar mil vagas de trabalho para a região.

A Audiência Pública tem por objetivo apresentar os estudos realizados sobre os impactos ambientais e sociais do empreendimento na região. O evento faz parte do processo de licenciamento ambiental, sendo regulamentado pelas Resoluções CONAMA 009/87 e SEMA/MS 004/89.

Durante a audiência, que será realizada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia, por intermédio do IMASUL – Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul, será apresentado o Relatório de Impacto Ambiental das LT 230kV SE Campo Grande II –SE Imbirussu, LT 230kVSE Dourados II – SE Dourados, LT 230kV SE Rio Brilhante – SE Campo Grande II, LT 230kV SE Rio Brilhante – SE Dourados II e LT230kV SE Dourados – SE Ivinhema II /SE Dourados II.

Também serão apresentados os impactos negativos e positivos, as medidas mitigadoras e compensatórias e os programas ambientais propostos. Logo após, será aberta a sessão de debates, quando os participantes poderão fazer perguntas sugestões e opiniões. A audiência subsidiará a decisão quanto ao licenciamento ambiental.

Haverá transporte gratuito saindo da Prefeitura Municipal até o hotel Jandaia, na Rua Barão do Rio Branco, 1271, no Centro de Campo Grande.

Sobre a Neoenergia
Com 13,6 milhões de unidades consumidoras atendidas por suas quatro distribuidoras – Coelba (BA), Celpe (PE), Cosern (RN) e Elektro (SP/MS) –, a Neoenergia é responsável por levar energia a 34 milhões de pessoas, quase 20% da população brasileira. Controlada pelo grupo espanhol Iberdrola, ela está presente em 16 estados e é uma companhia integrada de energia, atuando nos segmentos de Geração, Transmissão, Distribuição e Comercialização. Na área de Geração, entre ativos em operação ou em construção, o grupo tem capacidade instalada de 4.364 megawatts (MW). Sua área de concessão é de 836 mil quilômetros quadrados e abrange quase 1.000 municípios. É o 36º maior grupo empresarial do Brasil, de acordo com o anuário Melhores e Maiores 2017 da revista Exame, e uma das melhores empresas do país para começar a carreira, segundo o Guia Você S.A. 2017.