Levantamento revela que Roraima é o estado mais violento do país

Pelo menos 26,1 mil pessoas foram assassinadas no primeiro semestre de 2018, segundo levantamento feito pelo site de notícias G1 em parceria com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública. A divulgação dos números foi feita nesta terça-feira (28).

A quantidade de crimes pode ser ainda maior, já que os estados do Paraná, Tocantins e Maranhão não divulgaram todos os números referentes ao período. As estatísticas incluem homicídios dolosos (com intenção de matar), latrocínios (roubo seguido de morte) e lesões corporais seguidas de morte. Em média, foram registrados 4,3 mil casos por mês, o que representa uma taxa de 12,5 homicídios para cada 100 mil habitantes no país durante os primeiros seis meses do ano.

Segundo a pesquisa, o estado mais violento do país é Roraima, que tem média de 27,7 mortes para cada 100 mil habitantes, seguido por Rio Grande do Norte (27,1), Ceará (26) e Acre (26).

São Paulo foi o estado com menor índice de crimes (3,8). O estudo ainda apontou que em 2017, ocorreram cerca de 59 mil mortes violentas no país, o que representa um aumento de 2,7% com relação ao ano anterior.

Da AnsaFlash