“As centrais de comercialização dão dignidade aos agricultores familiares”, afirma Verruck

Central de comercialização da agricultura familiar em Batayporã – Foto: Kelly Ventorim

Depois de equipar os produtores da agricultura familiar de Mato Grosso do Sul e reforçar as ações organizacionais por meio dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural (CMDRS) nos municípios, o Governo do Estado, via Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), com recursos de emendas parlamentares e do próprio Estado na mesma proporção, deram início a construção das estruturas para comercialização dos produtos.

As centrais de comercialização, que oferecem estrutura para que os produtores possam ofertar seus produtos, com dignidade e segurança, se transformaram em alguns municípios num espaço para o lazer de toda a família.

A parceria do Governo do Estado, com o deputado federal Vander Loubet, o ex-deputado federal Zeca do PT e as Prefeituras, garantiu a entrega, no último sábado (9) de mais uma unidade, desta vez em Batayporã, onde foi construída uma estrutura moderna, de 274,95 m², que conta com 16 boxes, pátio calçado, banheiros, e um ambiente protegido da chuva e incidência direta do sol.

Quando o município comemorava 56 anos, o prefeito Jorge Luiz Takahashi, autoridades e lideranças realizaram a entrega oficial da ‘Feira do Produtor’, que marca um novo tempo para os agricultores familiares de Batayporã.

Para o Secretário Jaime Verruck, as centrais fecham o ciclo de um compromisso assumido no início da gestão do governador Reinaldo Azambuja com a agricultura familiar no Estado. “Comprometidos com o desenvolvimento dessa atividade, trabalhamos para dar orientação, condições e para estruturar o produtor. Hoje ele tem assistência, equipamentos e maquinas e um local digno para vender sua produção. As centrais de comercialização dão dignidade aos agricultores familiares”, comentou.