As 7 melhores cidades para fazer intercâmbio estudantil

As oportunidades de intercâmbio atraem cada vez mais estudantes que estão em busca de aperfeiçoamento acadêmico, desejam incrementar o currículo ou querem ter experiências novas, conhecer lugares e pessoas diferentes.

Para ajudar você a escolher um destino, a empresa de educação QS realizou o estudo QS Best Student Cities, que avalia o custo de vida, a qualidade das instituições e a atividade empregadora das cidades. Confira a nossa seleção e decida já qual será o lugar do seu próximo intercâmbio.

Montreal

Montreal é a primeira cidade do Canadá no ranking da QS. O destino tem dois idiomas mais utilizados, o inglês e o francês, além de abrigar uma imensa comunidade de intercambistas e de imigrantes. Ou seja: diversidade cultural é o que não falta nesse lugar. Além desses atrativos, Montreal também é palco de shows, festivais e diversos outros eventos artísticos que fazem parte da vida de qualquer estudante.

Paris

Paris se destaca entre os outros destinos europeus graças à sua intensa atividade cultural: são, aproximadamente, 2 mil monumentos históricos e museus espalhados por toda a capital francesa. Como se não bastasse essa herança cultural, a cidade também possui diversas instituições de ensino renomadas: são 17 no ranking da QS e duas delas estão entre as 100 melhores do mundo.

Londres

Com cerca de 100 mil intercambistas entre a população, Londres é uma cidade na qual o aluno nunca se sentirá sozinho. A capital da Inglaterra, além de ser considerada uma das cidades mais cosmopolitas do mundo, também possui 18 instituições no ranking da QS – quatro delas no top 10. A cidade ainda conta com um dos maiores acervos bibliotecários do mundo, a British Library, sendo um destino muito interessante para pesquisadores.

Cingapura

Cingapura é considerada uma das cidades mais prósperas da Ásia e possui a menor taxa de desemprego de todo o mundo. Como consequência, não é de se espantar que o sistema educacional tenha se desenvolvido e se tornado tão respeitado: são duas universidades entre as 50 melhores do mundo! A diversidade cultural também é imensa: apenas na cidade, são quatro idiomas oficiais, além da influência de países como China e Índia.

Melbourne

Melbourne já ocupou o posto de melhor cidade para se viver graças à sua atividade cultural, estabilidade econômica e, obviamente, qualidade de ensino. O intercâmbio na Austrália atrai por conta das muitas oportunidades de emprego que o país oferece, o que faz do destino um polo da atividade empregadora.

Zurique

Zurique, a maior cidade da Suíça, é constantemente nomeada uma das melhores para se viver devido à sua segurança, organização e às taxas reduzidas. Por conta disso, também se tornou um destino atrativo para intercambistas, pois possui custos mais baixos de mensalidade quando comparado a outros polos estudantis. A cidade ainda tem duas instituições no top 100 da QS.

Hong Kong

Localizada na costa sul chinesa, essa cidade altamente populosa proporciona um verdadeiro intercâmbio entre os estudantes. Com um alto desenvolvimento financeiro, é uma metrópole que oferece incríveis oportunidades profissionais e é ideal para aqueles que buscam uma maior experiência global. Hong Kong ainda conta com quatro universidades entre as 40 melhores pela QS.