Alan Guedes recebe servidores do IBGE para apresentação do planejamento do Censo 2020

Funcionários do IBGE apresentaram Censo Demográfico 2020 para o presidente da Casa de Leis, Alan Guedes – Foto: Assessoria

O presidente da Câmara de Dourados, vereador Alan Guedes (DEM) recebeu nesta semana os servidores Fabiano Iorio, coordenador de área do Censo Demográfico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas – IBGE – e Leandro Cabral dos Santos, chefe do escritório em Dourados, para apresentação da proposta do planejamento para o Censo 2020.

O Censo é a principal fonte de dados sobre a situação de vida da população nos municípios e localidades. O levantamento demográfico acontecerá simultaneamente em todo o país, entre os meses de agosto e novembro do próximo ano. Em Dourados, as atividades envolverão mais de 200 pessoas, cerca de 210 recenseadores e 28 supervisores, conforme Fabiano Iorio. “O IBGE divulgará processos seletivos para os trabalhos no Censo. Serão vagas para agentes censitários, supervisor e outras com salários que chegam a R$ 3mil”, mencionou.

Segundo recente atualização publicada pelo IBGE, Dourados tem uma população estimada em 221 mil habitantes e, de acordo com os funcionários do Instituto, toda a extensão do município deverá ser avaliada no Censo, com o intuito de levantar informações sobre população, número de residências, características sobre educação, trabalho, habitação, saneamento básico, transporte, energia, programas de assistência à infância e à velhice, entre outras.

“Conhecer a nossa sociedade, quantos somos e como vivemos, é muito importante para qualquer planejamento público e privado. A fim de garantirmos uma operação censitária de qualidade e transparente, é imprescindível a cooperação entre o IBGE e os poderes públicos locais, que possuem amplo conhecimento e atuação na realidade local”, ressaltou o coordenador de área do Censo.

Através da parceria, Iorio destacou que é possível, por exemplo, melhorar a eficiência dos gastos públicos na operação, através da cessão de espaços e equipamentos/serviços para funcionamento dos os postos de coleta, ajuda na divulgação dos processos seletivos para contratação da equipe temporária e na divulgação da operação censitária em si, de modo que a população esteja informada sobre a realização dessa pesquisa e assim receba bem o recenseador, respondendo de maneira fidedigna às perguntas do questionário.

“Dourados como o segundo município mais populoso de Mato Grosso do Sul. E, colocamos à Casa de Leis à disposição para estabelecer parcerias no sentido de contribuir com o Censo 2020. Só em Dourados serão dois postos de coleta onde vão centralizar as ações. O Censo é fundamental para conhecermos os detalhes da população do nosso país, além da definição de políticas públicas em nível nacional, estadual e municipal”, enfatizou o Alan Guedes.