Al Wehda, da Arábia Saudita, anuncia acerto com Carille

O Al Wehda, da Arábia Saudita, anunciou na noite desta terça-feira um acerto com o técnico Fábio Carille, do Corinthians, firmando um contrato de dois anos. A publicação foi feita no Twitter da equipe, valorizando ainda a ajuda do chefe de esportes da Arábia Saudita na negociação. Na quinta-feira, contra o Millonarios, pela Copa Libertadores da América, o Alvinegro será comandado pelo auxiliar de Carille, Osmar Loss.

“O chefe do corpo nos ofereceu um dos treinadores brasileiros que estavam sendo negociados pelo Al Hilal”, disse o presidente do clube, Hatem Khaimi, em entrevista ao portal “Dawriplus”, especializado em notícias esportivas, revelando o apoio até da federação local para que a busca desse o resultado esperado. “Ele foi campeão brasileiro na temporada passada com o Corinthians e tem apenas 45 anos”, continuou Khaimi.

De acordo com a entrevista concedida pelo dirigente, o começo da negociação foi complicado por se tratar de um nome já estabelecido no futebol brasileiro, mas a recepção das sondagens foi boa entre os empresários do comandante. “Os brasileiros que o conhecem nos asseguraram a dificuldade de que isso aconteça, mas já conseguiram convencê-lo e enviamos um emissário ontem (segunda-feira)”, concluiu Khaimi.

Carille pode levar 3 auxiliares

O técnico Fábio Carille pode levar consigo outros três profissionais da comissão técnica alvinegra para o Al Wehda, seu novo clube. A condição, citada por ele em entrevista após o jogo contra o Deportivo Lara, na Venezuela, foi fundamental para o acerto. Os nomes prováveis são os do auxiliar que ele levou ao Parque Ecológico, Leandro Silva, o Cuca, o preparador físico, Walmir Cruz, e o observador técnico, Mauro da Silva, também conhecido como Mauro Van Basten.

Osmar Loss, que comandou o sub-20 do Corinthians por quatro temporadas e foi alçado à condição de auxiliar após o título da Copa São Paulo do ano passado, foi confirmado como substituto de Carille no cargo. Não há indicação de interinidade, mas ele deve receber uma avaliação pelo período pré-Copa do Mundo.

Da Gazeta Esportiva