Agetran reforça sinalização para mais segurança no trânsito de Dourados

Ação da Agetran melhora sinalização na rua Olinda Pires – Foto: A. Frota

A Prefeitura de Dourados, por meio da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), tem realizado serviços em sinalização, divisor de pista e outros encaminhamentos para atender demandas diversas nas vias da cidade e melhorias no trânsito. O Parque dos Ipês também recebeu serviços pela Agência com diferenciais na pista de caminhada.

Na vila Progresso, as ruas Izzat Bussuan e Olinda Pires de Almeida receberam reforço na pintura das vias com sinalização e meio-fio. O intuito é reforçar a segurança, com sinalização horizontal e vertical, além de maior visibilidade em pontos de estacionamento proibido.

Na região, o Parque dos Ipês teve revitalizada a pista de caminhada. A limpeza também tem sido priorizada no local. Neste aspecto o cuidado é da Semsur (Secretaria de Serviços Urbanos).

O diretor da Agetran, Carlos Fábio Selhorst dos Santos, citou que os pontos da cidade que recebem as ações são acompanhados pela direção da instituição. Em todo processo, equipe técnica direciona os serviços conforme orientação da prefeita Délia Razuk, que cobra agilidade e qualidade nos serviços.

A Agência está implantando um divisor de pista na rua Coronel Ponciano, nas imediações de um atacadista. O intuito é dinamizar o tráfego de veículos na via, que conta com grande movimentação.

Para aquele ponto, a Prefeitura, por meio da Agetran, e o Assaí Atacadista encaminham a implantação de uma via marginal ao lado do hipermercado.

O projeto está sendo encaminhado pela Agetran, juntamente com as secretarias de Obras Públicas e de Planejamento Urbano, e acordado pela equipe do Atacadista.

A Agência atualmente conduz junto a entidades competentes que o transporte público amplie o atendimento no bairro Castelo de São Jorge.

Carlos Fábio destaca que juntamente com o coordenador de Transporte Público, Cleber Guidio, o gerente Operacional da Viação Dourados, Edson Aragão, recebeu moradores do bairro, entre eles funcionários de uma empresa do ramo alimentício, situada na BR-163, que sofrem com a falta de ônibus que faça o trajeto. As tratativas para melhorias para a população estão ocorrendo.