A.A.V.V vence o São Pedro e conquista seu 3º Interdistrital

A.A.V.V conquistou o título ao vencer por 2 a 1 o Vila São Pedro – Foto: Waldemar Gonçalves - Russo
A.A.V.V conquistou o título ao vencer por 2 a 1 o Vila São Pedro – Foto: Waldemar Gonçalves – Russo

A FUNED (Fundação de Esporte de Dourados) encerrou com grande sucesso neste domingo último no estádio Fradique Corrêa, o “Delico”, no Distrito de Vila Vargas, a realização da 15ª edição do Campeonato Interdistrital de futebol de campo.

A prefeita Délia Razuk (PR) na oportunidade foi representada pelo diretor/presidente Funed, Jânio César Amaro. “Em nome da dona Délia Razuk venho aqui agradecer a todos que participaram desta grande competição esportiva, em especial aos dirigentes, atletas, as torcidas, a minha equipe de trabalho e também a Polícia Militar, a Guarda Municipal e as secretarias municipais que nos apoiaram. Ano que vem tem mais se Deus quiser”, disse Jânio César em breve discurso.

O evento, que contou com a presença de um grande público em torno do campo, teve a realização de dois jogos, sendo o primeiro entre a A.A.V.F (Associação Atlética Vila Formosa) e Nacional de Vila Vargas para se saber quem seria o terceiro lugar, e o primeiro e mais aguardado, a disputa pelo título entre as equipes da A.A.V.V (Associação Atlética Vila Vargas) e Esporte Clube São Pedro do Distrito de Vila São Pedro.

Para as crianças foi montada uma área de lazer para elas, com chute a gol e cama elástica.

A final

Às 15 horas, após execução do Hino Nacional com as equipes da A.A.V.V e São Pedro, arbitragem e os coordenadores de esportes da FUNED perfilados em campo, o árbitro Fabiano dos Santos, que foi auxiliado pelos assistentes José Valderedo e Jhonson Lescano, deu ao início da grande decisão do título da competição.

Ao longo dos noventa minutos mais os acréscimos, a A.A.V.V abriu o placar ainda no primeiro tempo, com um “golaço” contra do médio volante Anízio Araújo.

Atrás no placar, o São Pedro entrou para o segundo tempo mais avançado e em busca de reverter à vantagem da A.A.V.V, e com gol de Patrick Nunes chegou ao empate e levando a sua grande torcida ao delírio.

Quando todos estavam preparados para uma disputa de pênaltis, Gilmar Dantas, de voleio, fez um golaço, gol este que acabou sendo o do terceiro título da história da competição para a A.A.V.V.

Ao término do jogo as duas equipes se confraternizaram em campo e em seguida foram feitas as premiações aos três primeiros colocados, ao goleiro menos vazado e ao artilheiro bem como a mais disciplinada.

A equipe campeã recebeu troféu, medalhas e um jogo de camisa, a vice-campeã e à terceira colocada, troféu e medalhas.

O goleiro menos vazado foi José Legro, da Vila Formosa, enquanto o artilheiro foi o jogador Márcio Borges do Panambi Veteranos que marcou oito gols. A A.V.V também ganhou o troféu de equipe mais disciplinada.

A campanha

A A.A.V.V conquistou seu terceiro título após mais de vinte anos na fila, com uma expressiva campanha. A equipe venceu seis vitórias e apenas uma derrota. A equipe marcou 22 gols e sofreu oito gols e seus principais artilheiros foram Magno Valente e Emerson do Valle, ambos com cinco gols cada um.

Terceiro colocado

Na disputa pelo terceiro lugar, o Nacional de Vila Vargas com um gol solitário de Wladson Macedo conquistou a posição em cima da Vila Formosa.

Neste jogo que foi comandado por Joneci Bira dos Santos, que teve a assistência de Johnson Lescano e José Valderedo, os jogadores Anderson Benitez e Willian de Paula foram expulsos.

Durante a competição foram marcados 115 gols em 28 jogos, média de 4,10 por partida e foram aplicados 43 cartões amarelos e dez vermelhos.

Convidados

Além do grande número de público nos dois jogos decisivos, marcaram presença no evento o Secretário Estadual de Segurança Pública e deputado estadual licenciado José Carlos Barbosa, o “Barbosinha”, o deputado estadual João Batista dos Santos, o “João Grandão”, e os vereadores Alberto Alves dos Santos, o “Bebeto”, Olavo Sul, Madson Valente e Ramão Cirilo e também Raul Lídio Verão, ex-diretor/presidente da então FUNCED (Fundação de Cultura e de Esporte de Dourados).

A 15ª edição do Interdistrital ao longo dela teve a coordenação/geral de Jânio César Amaro e da competição Antônio Carlos Barbosa, o “Kaká”, nos 28 jogos realizados e nas logísticas dos jogos marcou presença os seguintes profissionais da FUNED: Carlos Eduardo Stranieri, o “Goiaba”, Moacir Amorim, Eriobaldo Pimentel, Leonardo Bonatto, Adão Morais, o “Adãozinho”, Adônis Garcia de Oliveira, Fernando Ramos e Valmor Ranzi Júnior.

A competição foi realizada pela Prefeitura de Dourados e coordenada pela equipe de esportes da FUNED (Fundação de Esporte de Dourados) e contou com o apoio da Polícia Militar, Guarda Municipal de Dourados, Secretaria Municipal de Educação, Saúde e de Serviços Urbanos.