Segundo a Fifa, o Brasil é o 3º país que mais comprou ingressos

O estádio Luzhniki, em Moscou, vai receber a abertura e a decisão da Copa – Divulgação

O ministro das Relações Exteriores do Brasil, Aloysio Nunes, disse que cerca de 60 mil brasileiros vão viajar à Rússia para assistir à Copa do Mundo.

A estimativa foi realizada pelo Itamaraty e pelo Ministério do Esporte, sendo divulgada no evento que lançou o Guia Consular do Torcedor Brasileiro, manual com informações sobre a Rússia para ajudar os turistas.

Nunes admitiu que a chegada de tantos brasileiros na Rússia causará um “estresse” na rede consular no país, localizada em Moscou. Para auxiliar, o ministro alegou que instalará postos consulares nas cidades de Sóchi, Kazan, Samara, Rostov e São Petersburgo.

De acordo com a Fifa, o Brasil foi o terceiro país que mais solicitou ingressos para os jogos da Copa do Mundo, com 72 mil bilhetes comprados. A lista divulgada pela entidade colocou a Rússia em primeiro e os Estados Unidos na vice-liderança. No total, mais de 2,4 milhões de entradas foram vendidas.

Visto que a procura pelos ingressos está sendo alta, a Fifa anunciou hoje (8) que colocou mais de 100 mil bilhetes à venda.

A Copa do Mundo começará no dia 14 de junho, com a partida entre Rússia e Arábia Saudita, em Moscou.

Da AnsaFlash