Dourados/MS, 27 de abril de 2017 - Agora:3:09
Home | Cinema/TV/Teatro | Nudez de Sophie Charlotte em estreia de série agita o público
Publicada em 18 de abril de 2017 às 09:47

Nudez de Sophie Charlotte em estreia de série agita o público

Personagem Alice, de 'Os Dias Eram Assim', foi exaltada na web na noite desta segunda-feira - Reprodução

Personagem Alice, de ‘Os Dias Eram Assim’, foi exaltada na web na noite desta segunda-feira – Reprodução

O primeiro capítulo de “Os Dias Eram Assim” marcou e tanto a personagem Alice, papel de Sophie Charlotte na supersérie que estreou na noite desta segunda-feira (17). A artista, entusiasmada com sua volta à TV após o filho, Otto, completar um ano, conquistou o público ao dar vida a fotógrafa descolada e para lá de empoderada dos 70 e, além disso, agitou as redes sociais ao usar figurinos provocantes e ao fazer topless para tentar seduzir seu namorado, Vitor (Daniel de Oliveira), que se recusou a transar com ela.

Topless de Sophie Charlotte agita a web

“Não precisa tirar a roupa desse jeito. É vulgar”, disse o personagem Vitor, machista e conservador, que tentará separá-la de Renato (Renato Goés), por quem ela se apaixona. “Vai ver você não me deseja tanto assim, você não me quer. Não está me tocando por quê?”, indagou a jovem. Então, ele a pede para tirar o vestido e por uma roupa mais decente. É nesse momento que ela o provoca ao ficar apenas de calcinha, para a loucura dos internautas na web, que exaltaram o belo corpo da protagonista, que segue amamentando o herdeiro na vida real.

Atriz não se preocupa com cenas de nudez na TV: ‘ Faz parte’

“O sexo faz parte da vida e a paixão, principalmente na juventude, está muito ligada a isso. Essas cenas estão contando histórias e, se está dentro do contexto da cena, faz sentido para mim”, disse ela, que na trama idolatra Leila Diniz. “Ela quer se libertar de certos padrões, mas não consegue totalmente, inclusive por causa da velocidade dos acontecimentos. Muita coisa atravessa o caminho de libertação da Alice. Mas ela tem mais de uma década para fazer esse caminho. Essa história é a jornada de uma mulher que tenta se libertar e se empoderar”, explicou.

Do Purepeople