Últimas Notícias
Você está aqui: Capa >> Educação >> Lousa digital ratifica inclusão de tecnologias educacionais em Nova Andradina
18 de março de 2014 às 14:30.

Lousa digital ratifica inclusão de tecnologias educacionais em Nova Andradina

A exemplo do Scratch, programa reforça ações de incentivo do Governo Municipal 

Projeto foi pré apresentado na Sala Lúcia Andrade Toledo Piza Lousa digital ratifica inclusão de tecnologias educacionais em Nova Andradina

Projeto foi pré-apresentado na Sala Lúcia Andrade Toledo Piza – Foto: Cogecom/PMNA

O Núcleo de Tecnologia Municipal (NTM) realizou a pré-apresentação da Lousa Digital a professores, coordenadores e diretores da Rede Municipal de Ensino (REME). A iniciativa corresponde aos investimentos da Prefeitura de Nova Andradina em novas tecnologias como meio de potencializar o aprendizado.

De acordo com o coordenador do NTM, Welinton Bachega, nesta etapa o programa irá contemplar todas as unidades da área urbana. A previsão é de que as escolas municipais da zona rural iniciem as atividades da Lousa Digital já no início do segundo semestre deste ano.

Segundo o prefeito Roberto Hashioka, o Governo Municipal adquiriu nove quadros interativos para a efetivação do projeto. Já o Governo Federal, por meio do Ministério da Educação (MEC), destinou nove lousas digitais e outros nove projetores multimídia para Nova Andradina.

Além do gestor, a pré-apresentação também contou com a presença da secretária de Educação, Cultura e Esporte (Semec) Nair Aparecida Lorencini Russo, presidente da Câmara Newton Luiz de Oliveira e vereadores Quemuel de Alencar, Marião da Saúde, Ricardo Lima e Zé Bugre.

Na ocasião, Hashioka reforçou o apoio da Câmara e elencou ações de incentivo às novas tecnologias. “Assim como nós indicamos o Scratch e a Semec passou a utilizá-lo como ferramenta no desenvolvimento do raciocínio lógico, a Câmara, por meio do presidente Nenão, nos indicou a Lousa Digital. É uma importante parceria”, disse.

O prefeito também relembrou projetos de fomento às novas tecnologias que foram desenvolvidos em suas duas últimas gestões à frente do Executivo. “Implantamos as Salas Municipais de Tecnologias [Samtec] e o Centro Municipal de Inclusão Digital [CEMID] quando ainda pouco se falava em tecnologia”, recordou.

Como funciona?

A Lousa Digital foi pré-apresentada pela equipe do NTM sob três perspectivas de uso: caneta, tablet e smartphone. “Cabe ao formador filtrar e direcionar seus alunos sobre o conteúdo oferecido, fazendo assim com que o educando não aprenda somente a matéria, mas que ele possa refletir e formar opiniões”, pontuou Bachega.

O educador também aproveitou o encontro para parabenizar o apoio do Governo Municipal e do ex-coordenador do NTM, professor Augusto Teixeira, atual diretor da Escola Municipal Professor João de Lima Paes. “Sua contribuição na criação do NTM resultou em um excelente trabalho”, disse.

A lousa digital é como uma tela imensa de um computador, porém mais inteligente, pois é sensível ao toque. Desta forma, tudo o que se pensar em termos de recursos de um computador, de multimídia, simulação de imagens e navegação na internet é possível com ela. Ou seja, funciona como um computador, mas com uma tela melhor e maior.

O professor pode preparar apresentações em programas comuns de computador, como Power Point, por exemplo, e complementar com links de sites. Durante a aula, é possível, enquanto apresenta o conteúdo programado, navegar na internet com os estudantes.

O educador pode ainda criar ou utilizar jogos e atividades interativas, contando com a participação dos alunos, que vão até a lousa e escrevem nela por meio de um teclado virtual – como aqueles de páginas de banco na internet – ou por meio de uma caneta especial ou com o dedo, já que a lousa lê ambas as formas.

O ensino conta ainda com novos recursos, pois é possível, por exemplo, fazer apresentações em três dimensões para apresentar o corpo humano, e estudar geografia com a ajuda de mapas feitos por satélite e disponíveis em sites como o Google Maps ou Google Earth.

Os comentários estão fechados.